Carregando... Veja nossa Política de Privacidade.



Para vários, separe por vírgula


Compre ou alugue os melhores edifícios e condomínios da cidade e região


Uni-FACEF

Doutor Ismael Alonso Y. Alonso
São José - Franca

Telefone: (16) 3713-4688

Um pouco da história do Uni-FACEF

A história do Uni-FACEF Centro Universitário Municipal de Franca inicia-se com a constituição da Faculdade de Ciências Econômicas e Administrativas de Franca, no dia 20 de março de 1951, data da edição do Decreto Federal nº 29.377/51, autorizando o seu funcionamento. A princípio, funcionou na rua Campos Salles, 217, num pequeno espaço dentro do Instituto Francano de Ensino, então conhecido como Ateneu Francano, que foi gentilmente cedido por seus proprietários, os professores Dr. Alfredo Palermo, José Garcia de Freitas e Dr. Oliveiro Diniz da Silva. A seguir, mudou-se para a rua Padre Anchieta, 1822, permanecendo ali até 1968. A aula inaugural foi proferida pelo Deputado Vicente de Paula Lima. Do corpo docente inicial, faziam parte, entre outros, o Professor Dr. Alfredo Palermo, o Dr. Oliveiro Diniz da Silva, o Professor Jorge Cheade, o Professor Moacir de Oliveira, o Dr. Alfredo Henrique Costa, o Professor Geraldo Alves Taveira, o Professor Everton Merlino e o Professor Domingos Spinelli.

Fachada da Faculdade de Ciências Econômicas – 1969

1951-1996: Origens
Conselho Nacional de Educação autorizou o funcionamento da Faculdade em 21 de abril de 1951. Em 1966, na administração do Prefeito Dr. Flávio Rocha, foi transformada em Autarquia Municipal, com base nas Leis nº 1.143/63 e 1.452/66, oportunidade em que se concedeu a mais ampla autonomia administrativa, financeira, didático-pedagógica para que pudesse alcançar seus fins, Ensino Superior no Município.
Do início de suas atividades até 1969, o Uni-FACEF Centro Universitário Municipal de Francapossuía apenas um curso – o de Ciências Econômicas – e um total de, aproximadamente, 100 (cem) alunos. As atuais instalações da Unidade I, inauguradas em 1969, permitiram a ampliação não apenas do número de alunos, como também o número de cursos ofertados pela instituição. Assim, foram criados os cursos de Administração (autorizado através do Decreto Federal nº 75.450/75) e de Ciências Contábeis (autorizado pelo Decreto Federal nº 85.927/81). Estes três cursos funcionaram, até o ano de 1996, apenas no período noturno.

Em 1996, para atender uma maior integração com a comunidade empresarial, o Uni-FACEF Centro Universitário Municipal de Franca (re)criou o IPES – Instituto de Pesquisas Econômicas e Sociais, em convênio com a ACIF – Associação do Comércio e Indústria de Franca, com o Sindicato da Indústria de Calçados de Franca e com a Delegacia Regional do CIESP. O referido instituto é o único órgão a realizar pesquisas conjunturais na cidade de Franca e região. Sua origem está assentada na década de 70. O Uni-FACEF Centro Universitário Municipal de Franca pode ser considerado o Instituto Isolado de Ensino Superior mais antigo do estado de São Paulo.
1997-2003: Expansão.

Em 1997, foi feito um amplo planejamento para adequar a Instituição às novas exigências acadêmicas, legais e institucionais, que incluía:

  1. qualificação do corpo docente com a criação de um curso de pós-graduação stricto sensu(mestrado) e de incentivos aos docentes para cursá-lo ou efetuarem o mestrado ou doutorado em outras instituições;
  2. incentivo à produção científica de docentes e alunos e a sua divulgação através de publicações próprias;
  3. profissionalização dos docentes;
  4. maior relacionamento com a comunidade, por meio de convênios com entidades científicas, de classe e assistenciais, para a prestação de serviços de caráter científico, comunitário e social;
  5. criação de cursos diurnos;
  6. reforma e ampliação da infra-estrutura física.
Todos os objetivos contidos no plano estão sendo paulatinamente atingidos. Em 1997, foi criado o curso diurno de Administração. Em 1998, o Uni-FACEF Centro Universitário Municipal de Francainstituiu o Programa de Pós-Graduação stricto sensu (Mestrado), na área de Gestão Empresarial, recomendado pela CAPES/MEC. O Programa de Mestrado atendeu os objetivos de implementação da pesquisa científica na instituição e de incremento na produção acadêmica de seus alunos e docentes. Desde a sua criação, foram lançadas, pela Editora FACEF, várias obras científicas decorrentes de pesquisas de docentes da instituição, além das revistas científicas – FACEF Pesquisa(impressa e eletrônica) e REA – Revista Eletrônica de Administração, avaliadas, anualmente, pelo sistema Qualis e ranqueadas pela CAPES. O programa foi desativado em 2006, com mais de 70 dissertações defendidas.
Em 2001, em comemoração ao seu cinquentenário, deu início a dois novos cursos: Comunicação Social com habilitação em Publicidadee Propaganda e Administração com habilitação em Hotelaria. No mesmo ano, o Uni-FACEF Centro Universitário Municipal de Franca firmou um Acordo de Cooperação com a ESA – École Supérieure des Affaires, da Univesité Pierre-Mendès-France, da cidade de Grenoble, no sul da França, para o intercâmbio de professores, alunos e estagiários, que tem ocorrido sistematicamente.
Em 2003, conveniou-se com o IFBAE – Instituto Franco Brasileiro de Administração, instituição internacional composta, além do Uni-FACEF Centro Universitário Municipal de Franca, pela Universidade de São Paulo, pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, pela Universidade Federal de Minas Gerais, pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro e pela ESA – École Supérieure des Affaires, da Université Pierre-Mendès-France. No mesmo ano, foi realizado em Franca, no Uni-FACEF Centro Universitário Municipal de Franca, o II Congresso Internacional do IFBAE, que contou com a presença de cerca de 400 estudantes, pesquisadores, empresários e autoridades dos dois países (Brasil e França). O I Congresso havia sido realizado na cidade de Grenoble, sul da França, e sede da ESA – École Supérieure des Affaires.

 


Ver Imóveis próximos a esta referência:




Favorito
Comparar